Dopamite: um estimulante natural para o aumento da dopamina


Review do suplemento Dopamite da MHP

Perder peso é algo realmente difícil, mas, que vem se tornando cada vez mais fácil frente a utilização de alguns suplementos que, aliados a uma dieta adequada e equilibrada, podem auxiliar nesse processo. Entre as várias categorias existentes, podemos citar os termogênicos, os metabolizadores de lipídios, inibidores enzimáticos, entre outros. Um que vem se destacando, infelizmente apenas no mercado internacional, é o Dopamite, suplemento esse da empresa Maximum Human Performance, ou simplesmente MHP, como é mais conhecida. A MHP, apesar de não ter grande impacto no Brasil é uma das principais marcas hoje no mercado internacional, participando, aliás de eventos como o Arnold Classic, Mr. Olympia e campeonatos (quase todos) de Strongman e Powerlifting.

Dopamite age de um jeito bastante peculiar: Normalmente quando comemos, sentimos a sensação de prazer e é isso que acaba nos motivando a comer mais e mais… O problema disso é que, quando nosso mecanismo de “prazer” é ativado constantemente, buscamos aquela mesma situação, por vezes, de maneira indiscriminada. O resultado, no caso da superalimentação são quilos ganhos. Esse mecanismo de prazer, basicamente se deve a produção de um hormônio e/ou neurotransmissor chamado Dopamina. Em especial, ela é ativada frente ao consumo de alimentos extremamente calóricos e, relacionados com carboidratos. Assim, torna-se frequente a busca por alimentos tais quais os famosos “proibidos na dieta” como bolos, doces dos mais diversos ou, até mesmo alimentos salgados, mas, de alta densidade energética.

Para contribuir com tudo isso, esses alimentos ainda, não possuem lá propriedades que satisfaçam significativamente a fome fisiológica (quando ela acontecer), não possuem alta densidade de micronutrientes, não possuem boa quantidade de fibras alimentares e ainda podem gerar problemas como a resistência à insulina e inibição da produção de GH, tornando o ganho de gordura ainda mais fácil.

Baixos níveis de dopamina no corpo, motivam a busca por alimentos e ativam a sensação de fome, assim, se eles puderem se manter relativamente constantes, conseguiremos obter mais êxito em evitar a fome e, consequentemente a comilança, ocasionando o ganho de peso.

Embalagem do suplemento Dopamite da MHP

Mas, é possível mesmo manter esses níveis altos com Dopamite? Sim, através de seu blend que estimula essa produção e, de maneira natural, sem a utilização de compostos que possam ser, de alguma forma prejudiciais para a saúde.

Esse blend é composto pela Tirosina, um dos principais precursores da Dopamina, DL-Fenilalanina que também é um precursor de dopamina e, claro, combinadas essas a um sinérgico blend estimulante de cafeína, que estimulará o sistema nervoso central na produção de catecolaminas que, por sua vez agirão de maneira lipolítica diretamente na célula adiposa, a macuna pruniens que, além de estimulante do sistema nervoso central, também é estimulante da produção de dopamina, o 5-Hidroxitriptofano, também um dos precursores principais de Dopamina, a teobromina e a vipocentina que, também são agentes estimulantes do sistema nervoso central e, responsáveis por parte da sensação de bem estar natural.

Dopamite é um suplemento apresentado em embalagens de 60 e 30 tabletes. Pessoas abaixo de 70kg devem consumir um tablete ao dia. Já os que possuem mais do que esse peso, até 85kg, dois tabletes ao dia e, acima desse peso, devem ser consumidas 3 tabletes ao dia. A dosagem, em todos os casos pode ser aumentada de acordo com o grau de tolerância do indivíduo.

Infelizmente a MHP ainda não trouxe este suplemento para ser vendido em território nacional. Portanto para quem gostou e quer experimentar, terá de importar, o que no fim das contas é ainda melhor pelo preço. Gostou e quer importar? Clique aqui.

Artigo escrito por Marcelo Sendon

Comentários fechados.

Os comentários para este post foram encerrados.